logo fm91 logo 1500am whats-radio9

Chapada recebeu profissional do Programa Mais Médicos

 

Novo medico abr14 1

 

O Programa Mais Médicos do Governo Federal faz parte de um amplo pacto de melhoria do atendimento aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS), que prevê mais investimentos em infraestrutura dos hospitais e unidades de saúde, além de levar mais médicos para regiões onde há escassez e ausência de profissionais.

Em entrevista ao ABCNotícias, a secretária da Saúde e Assistência Social Cati Milene Machado falou sobre o médico que veio para Chapada, e também sobre as novidades da secretaria.

“Talvez a novidade mais comentada e que vem instigando curiosidade é a questão do novo profissional atuante no município do Programa Mais Médicos. Também, realizamos algumas modificações internas que não ficam muito evidentes mas de uma forma ou outra, refletem nos atendimentos prestados. Nos dias 16 e 17 de abril estive na Capital com o prefeito Carlos Catto e a enfermeira Poliana Theisen, para participar do Cerimonial do Ministério da Saúde, aos municípios gaúchos que solicitaram adesão ao Programa “Mais Médicos”.

O município de Chapada acolheu o médico Richel Collazo Cruz, formado em 2009 na Universidade de Cuba e que no período de três anos, no mínimo, irá atuar em nosso município. No momento ele ainda está em fase de integração com a equipe e aguardamos a orientação do Ministério da Saúde para em seguida, num prazo de 30 dias iniciar atendimentos. Ele fará parte de uma das equipes de Estratégia de Saúde da Família (ESF) da Secretaria Municipal de Saúde, e atuará, como médico de família, realizando atendimentos no CAIS, visitas domiciliares com a equipe, trabalhos educativos em grupos, enfim, ações que devem ser realizadas por todos os profissionais que compõem uma ESF. Ele foi muito bem recepcionado por toda a equipe, pelos gestores municipais e pessoas que estão o conhecendo, e está se mostrando muito capaz para desempenhar suas funções, assim como os demais profissionais médicos do município”.

Cati ainda comentou que “o quadro profissional está melhorando, no sentido de termos mais profissionais que irão atuar, e os que já atuam, com o devido profissionalismo, estão se capacitando para atenderem as necessidades dos munícipes. Estamos com uma equipe excelente e tenho que parabenizar todos aqueles que estão buscando melhorar a saúde da população chapadense, que é o nosso objetivo. Sabemos que nem sempre isto é possível, pois ainda há algumas pessoas que procuram as UBS (Unidade Básica de Saúde) e não conseguem o atendimento que gostariam, às vezes por necessidades que estão além das nossas possibilidades. Gostaria também de dizer que passamos por um período complicado, onde havia dificuldade de contratação de profissionais, mas que já estamos conseguindo modificar a situação de maneira gradual. Também não posso afirmar que todos terão atendimento sempre, isso é ideologia.

Quanto mais profissionais estiverem atuando na saúde, maior a demanda de pessoas, pois cada vez mais esses profissionais buscarão trabalhar em prevenção, como eu já havia citado em outra entrevista, e isto faz com que as pessoas procurem mais os serviços de saúde, passando a impressão, muitas vezes, de que as unidades estão sempre “lotadas”. Um exemplo de prevenção é que no decorrer desta semana acontece a Campanha da Gripe, que faz aumentar o fluxo de pessoas nas unidades”.

Segundo ela, “os projetos são muitos, ideias também, mas estamos trabalhando dentro das possibilidades. Trabalhar em equipe e com a equipe é o primeiro passo, e não é só um projeto, é uma linha de trabalho que procuro seguir, já que acredito que um líder só alcança o sucesso quando reconhece que sua equipe é o pilar e caminha no mesmo sentido. Considero fundamental valorizar quem está a frente de tudo, que é a equipe.

Um dos maiores projetos, é seguir o que já vinha sendo feito pela secretária anterior, a vice-prefeita Loiva Gauer, que era a busca por mais referências nas redes de saúde do SUS, sendo um grande problema que todos os municípios brasileiros vêm enfrentando, pois a demanda acaba sendo maior que a oferta, e se tratando de níveis mais complexos de saúde, isso dificulta muitas vezes o prosseguimento das ações iniciadas na atenção básica, que é a porta de entrada da saúde.

Um dos projetos que também estamos almejando e que também o foi pela secretária anterior, juntamente com a gestão do Hospital São José, é torná-lo referência em alguns serviços extremamente necessários a nós e aos demais municípios da região, como o serviço de Urologia. A busca por mais recursos através de programas do Ministério da Saúde para qualificar o serviço de saúde e assistência social continua sendo também um dos meus projetos de atuação. E tudo o que realizamos na secretaria será sempre em prol da melhor qualidade de vida da população chapadense. E como já mencionei, o trabalho se desenvolve em equipe.

Gostaria de agradecer mais uma vez o espaço proporcionado e salientar que estamos a disposição de toda a população”, finalizou a secretária Cati.

 

FONTE: REDAÇÃO JORNAL ABCNOTÍCIAS