logo fm91 logo 1500am whats-radio9

Jornal de Chapada: há 22 anos contando histórias

 

9.5.2014

 

A primeira edição do Jornal de Chapada, publicada sob responsabilidade do grupo da Rádio Simpatia, foi em 7 de maio de 1992, com seis páginas. Naquela época, a responsabilidade pela redação e editorias do Jornal estava a cargo do diretor Eloy Milton Scheibe, com o auxílio de todos os funcionários da Rádio Simpatia. Logo após, Salete Bernardi foi contratada para desenvolver o trabalho de redação, permanecendo nesta função até 1995.

O jornal era produzido da seguinte forma: uma equipe decidia as matérias que eram abordadas semanalmente. As mesmas eram datilografadas em folhas de ofício e a distribuição das matérias era desenhada em folha manteiga (do tamanho da folha de jornal), após encaminhadas a Sarandi, onde a Gráfica A Região (que imprime o Jornal de Chapada desde sua criação até os tempos atuais) digitava as matérias, executava a arte e a diagramação.

Em 8 de abril de 1994, os leitores viram uma nova cara do Jornal de Chapada, com a utilização do logotipo criado por Angelita Beatriz Bordignon Vian, Bacharel em Educação Artística. Em 1995, com o afastamento da funcionária Salete e contratação de Geovane Ebert, o Jornal de Chapada foi informatizado, passando por um período de transformação em sua estrutura. Com a inovação, a redação e diagramação do jornal eram feitas no município, sendo que o trabalho da gráfica incluía somente a colocação das fotos e impressão. Anos mais tarde, com a aquisição de um scanner houve outra melhora significativa no trabalho desenvolvido e apresentado aos assinantes. Desta forma, os anos foram passando e o Jornal que antes tinha 6 páginas passou a ter 8 semanais.

A partir de 2001, o Jornal de Chapada passou a contar com o trabalho de Daniela Barth. Neste ano foram desenvolvidos trabalhos diferentes com edições maiores. No dia 6 de setembro, circulou o primeiro encarte especial de expressão, intitulado: "Coagril 15 anos - um marco na história", com 12 páginas, e no dia 22 de dezembro do mesmo ano o especial "Chapadafest - A maior festa típica da Região", que teve a primeira capa e contracapa colorida desenvolvida pelo Jornal. Este encarte contou com 14 páginas.

No ano de 2008, o Jornal desenvolveu um grandioso trabalho de cobertura das Eleições Municipais, circulando às 8h da manhã de segunda-feira, 6 de outubro, pós eleição do domingo, uma edição especial, a maior realizada em toda a história do Jornal, 28 páginas com a cobertura completa das eleições dos municípios de Chapada, Almirante Tamandaré do Sul, Barra Funda, Nova Boa Vista e Novo Barreiro, com o resultado voto por voto, urna por urna de todos os candidatos destes municípios, inclusive depoimento dos eleitos e dados sobre a região.

No ano de 2009, foram reunidas todas as receitas do Jornal de Chapada de 2005 a maio de 2009, e criado um livro com 200 receitas de leitores que foi um sucesso, a segunda edição saiu em 2013, com as receitas de maio de 2009 a abril de 2013.

Em 2011, foi realizado pelo JC, um especial dos 25 anos da COAGRIL – Cooperativa dos Agricultores de Chapada – LTDA com 22 páginas coloridas da cooperativa, e as profissionais Caren Klein e Isolde Scheibe também fizeram a parte textual e correção da Revista Comemorativa – 25 anos da COAGRIL, uma parceria entre o Jornal de Chapada, Moreira Comunicação com a assessoria dos funcionários da cooperativa. No ano de 2012, outro grande trabalho foi realizado na cobertura das eleições, circulando na manhã da segunda-feira, 8 de outubro, um especial com 28 páginas recheadas de informações e tudo da Eleição 2012 de Chapada e região.

Em julho de 2013, o Jornal de Chapada passou a ser um periódico mensal. Assumindo seu lugar semanal foi criado o ABCNotícias, visando uma circulação mais regional, buscando abranger mais leitores de Chapada e da região.

A primeira edição do ABCNotícias circulou no dia 26 de julho de 2013.

O ABCNotícias nasceu da ideia de integrar a comunidade regional, algo que era mais complicado quando chamava-se Jornal de Chapada, por dar a entender que o jornal era somente de um município.

Podemos entender ou explicar o nome das seguintes formas: ABC são as primeiras letras do alfabeto, sem o qual nada seria escrito e ficaria registrado para a posteridade, ou como surgiu inicialmente a ideia: A – Almirante Tamandaré do Sul, B – Barra Funda, C – Chapada, N – Nova Boa Vista e Novo Barreiro, e N também sendo a letra inicial da palavra notícias, que é o que o jornal busca levar aos seus leitores.

Toda sexta-feira, o ABCNotícias circula em Chapada e na região, e o Jornal de Chapada é encartado na última edição de cada mês.

A redação do jornal continua na Rua da República, 220, sendo parte do Grupo Simpatia de Comunicação.

EQUIPE

Direção Geral: José Paulo Ledur e Eloy Milton Scheibe

Departamento Comercial: Cláudio Nei de Vargas e Cassiane Dill

Redação e Diagramação: Caren Klein

Colaboração: Cassiane Bender, Cassiane Dill e Mariane Gutheil

Esporte: Adriano da Rosa e Gláucia Knob

Correção: Cassiane Bender e Cassiane Dill

Jornalista Responsável: Caren Luísa Klein (MTb 14.643)