logo fm91 logo 1500am whats-radio9

Notícias & SONHOS, por Cassiane Bender

textossite copia copia

 

Sonhos...

Quantas vezes você já ouviu alguém falar que devemos ir atrás de nossos sonhos e objetivos? E em quantas destas vezes você realmente fez isso? Deixei-lhe pensativo? Pois esta era realmente a minha ideia.

Minha linha de raciocínio sempre esteve certa neste sentido. Na maioria das vezes reclamamos pois não conseguimos algo, porque ‘tudo dá errado’, porque não alcancei o que queria, mas o que realmente acontece é que não corremos com vontade suficiente em busca de nossos objetivos. Nos falta empenho e dedicação, e nisso você tem que concordar comigo, é algo verídico, não discorde!

Somos testados todos os dias e de todas as formas, sendo difícil em muitas ocasiões sair de ‘cabeça erguida’, mas se não lhe falta força de vontade, tenho a certeza de que conseguirá dar a volta por cima e seguir em um novo e bom rumo.

Ah, Cassiane, pra quê tanta ladainha? Por um simples e ótimo motivo... Quero ser mais uma a dizer a você e a mim mesma que sim, somos capazes, se não faltar vontade, destreza e determinação. Independente da sua raça, idade, sexo... vá a luta! Siga o caminho que leva ao que quer alcançar. Se tiver uma pedra na estrada, retire-a! Não cruze por cima, pois quem vem atrás pode tropeçar.

Tem sonhos? Você pode sonhá-los, mas também pode realizá-los! É muito bom pensar que podemos fazer algum dia o que gostaríamos, porém, é melhor ainda saber que vamos realizar. Então coloque uma única coisa na sua cabeça: SÓ QUEM NÃO TENTA, NÃO CONSEGUE! E o mais importante, como dizia Raul Seixas: “Um sonho sonhado sozinho é um sonho. Um sonho sonhado junto é realidade”. Portanto, se precisar de ajuda não se acanhe, sempre terá alguém em quem confiar.

Busque a motivação a cada dia, mesmo se o seu dia não for o melhor, você pode torná-lo! Faça com que as pequenas coisas se tornem as mais importantes, afinal, é com um passo de cada vez que chegamos a um objetivo final. Aprendi com o tempo que ficar esperando é uma atitude pessimista e de quem quer ‘mamar deitado’. Não espere que as oportunidades cheguem até você, mas ao contrário, busque-as sempre que puder.

Um Brasil de todos...

Não estou aqui para falar bem ou mal do Brasil, até porque não tenho conhecimento suficiente para querer dizer alguma coisa. Sim! Esta Copa do Mundo será lembrada para sempre pelos brasileiros, e pelo restante do mundo. Não podemos questionar a capacidade dos jogadores alemães, que se sobressaíram sobre os brasileiros de uma forma inexplicável, vencendo por 7 x 1, com um mísero gol de Oscar.

A minha opinião pode até deixar outros com raiva ou até com certa indignação, mas acredito que damos muito valor ao futebol, futebol e futebol. Esquecendo muitas vezes da miséria que ainda encontramos aqui. Por exemplo, durante a Copa estão ocorrendo alagamentos em nosso País, e onde está a mídia? Dentro de um estádio, falando de jogo. Um viaduto cai e mata duas pessoas, e qual foi a importância dada? Nenhuma.

E não é apenas neste quesito que penso de modo diferente. Assisto a jogos, sofro junto e rio junto. Mas não existe ‘apenas o futebol’. Será que em um País do tamanho do Brasil existe apenas o futebol? Óbvio que não. Está na hora de valorizar outros esportes da mesma forma, pois agora, que o Brasil não vai mais ser Hexa (‘quem sabe’ daqui a 4 anos), uns vão ficar chorando pelos cantos, e outros vão querer protestar, ou melhor, vão quebrar tudo. Porque duvido que haja algum protesto pacífico desta vez. Em diversas propagandas do Governo há a seguinte frase: “Brasil – Um país de todos”. E deveria sim ser assim. Um Brasil de todos... os esportes, para todas as pessoas, um país diferente, que não preze apenas por um esporte, e que espera tudo de uma Seleção, formada por pessoas, que têm sentimentos e que agora precisam de apoio. Os brasileiros estavam esperando TUDO, e o sentimento de terça-feira, dia 8/7, dia em que o goleiro Júlio César completava 10 anos do primeiro jogo pela seleção, foi de um NADA.