logo fm91 logo 1500am whats-radio9

2ª etapa de vacinação da febre aftosa inicia no RS

1

 

A partir do dia primeiro de novembro, a Secretária de Agricultura, Pecuária e Agronegócio dará início a 2ª etapa de vacinação contra a febre aftosa no Estado do Rio Grande do Sul de 2014. Nesta campanha, deverão ser imunizados 5 milhões de bovinos e búfalos com idade de até 24 meses.

Nesta etapa, o Departamento de Defesa Agropecuária da SEAPA disponibilizará a doação de aproximadamente 2,2 milhões de doses de vacinas contra a febre aftosa aos produtores inscritos no Programa Nacional de apoio à Agricultura Familiar (PRONAF) ou no Programa Estadual de Desenvolvimento da Pecuária de Corte Familiar (PECFAM) que possuírem rebanho de até 100 bovinos e/ou búfalos por núcleo familiar. Não terão direito ao benefício os produtores rurais que não tenham realizado a comprovação da vacinação em campanhas anteriores ou que não tenham pagado multas aplicadas previamente.

Durante este período, os proprietários que não tiverem direito as vacinas doadas pelo Estado deverão comprar as doses necessárias para vacinação do seu rebanho e apresentar a Nota Fiscal nas Inspetorias ou Escritórios de Defesa Agropecuária da SEAPA/RS, especificando a quantidade de animais vacinados, por categoria. O prazo máximo para apresentação da mesma é de 05 dias úteis após o término da campanha, caso contrário, serão autuados conforme determinação do Decreto Estadual n° 50.072/13 e terão sua propriedade interditada até que regularizem a vacinação.

A conscientização de todos quanto à importância da imunização dos bovídeos contra esta doença é fundamental para evitarmos a introdução do vírus na febre aftosa no Estado. Entre os anos de 2000 e 2001, foram registrados 52 focos confirmados de febre aftosa, em diversos municípios do Rio Grande do Sul. Entre as consequências diretas podemos citar o sacrifício de mais de 26 mil animais e o gasto de aproximadamente R$ 11 milhões em ações sanitárias para a contenção da doença, além das perdas econômicas geradas pelo impedimento da venda de produtos de origem animal e vegetal.

É importante também comunicar imediatamente a Inspetoria caso existam animais na propriedade com sintomas suspeitos de febre aftosa – babando ou mancando – para averiguação.

Para maiores informações, entre em contato na Inspetoria de Defesa Agropecuária na Prefeitura Municipal de Almirante Tamandaré do Sul, ou pelo telefone (54) 3615-1045 ou acesse o site www.seapa.rs.gov.br.

Fonte: Assessoria de imprensa de Almirante Tamandaré do Sul